O QUE É UMA BACIA HIDROGRÁFICA?

Área drenada por um rio e seus afluentes.

A delimitação de uma bacia hidrográfica se faz através dos divisores de água que captam as águas pluviais e as desviam para um dos cursos d'água desta bacia. A bacia hidrográfica pode ter diversas ordens e dentro de uma bacia podem ser delimitadas bacias menores.

A nomenclatura de uma bacia hidrográfica é dada pelo principal rio ou curso de água por onde ocorre a descarga da água drenada por esta bacia, desconsiderando o fluxo de água subterrâneo, que pode, até um certo ponto, ser independente da bacia, ou bacias, sob a qual ocorre. (ver água subterrânea).

Em princípio, a quantidade de água que se precipita numa bacia hidrográfica deve ser igual à quantidade de água que é descarregada pelo seu principal curso de água, subtraindo-se a água que evapora. Se houver sistemas subterrâneos confinados, é necessário levar em consideração a dinâmica de seu fluxo.

Na moderna legislação brasileira sobre águas (Lei Federal sobre Recursos Hí­dricos N.9433/1997) é dada uma importância capital à bacia hidrográfica como unidade territorial para o gerenciamento dos recursos hídricos,visando suas múltiplas utilizações.

Este opção se mostra muito acertada, pois é no âmbito da bacia hidrográfica que ocorrem os principais fatores capazes de mudar a quantidade e a qualidade da água disponível para uso múltiplo, tais como: erosão e assoreamento,mudanças das características de permeabilidade do solo,provocadas pelo desmatamento e pela agricultura,a poluição de qualquer ponto de um curso d'água da bacia, acarreta consequências em todas as áreas a jusante,a poluição do subsolo em aquífero livre leva à contaminação da água superficial da bacia, desde que este aquífero livre não seja extensão (a parte livre ou zona de recarga de um aquífero confinado.

É necessário frisar que os fenômenos atmosféricos, como a pluviometria, só são afetados de forma sensível, por mudanças que ocorrem em grandes bacias hidrográficas. Os efeitos provocados por mudanças ocorridas em pequenas bacias (sub-bacias) se acumulam e se refletem nas bacias maiores.

Da mesma forma é bom lembrar que os efeitos da poluição atmosférica podem ultrapassar os limites das bacias hidrográficas.

Pierre Perrault
Hidrólogo francês(1608-1680)que no século XVII, através de um trabalho simples mas engenhoso, mostrou que a água total descarregada por um rio, pode ter sua origem explicada pela quantidade de água que se precipita na bacia hidrográfica deste rio. Através de seu trabalho Perraul lançou a base para a melhor compreensão do ciclo hidrológico e para se compreender a origem da água subterrânea.